E pode haver em um único sol

Milhões de horas

Para a poesia que aflora

Transformar o meu espírito...

Atualizações do Amigo da Sofia em seu e-mail. Cadastre-se!



------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

domingo, 6 de abril de 2014

As Madeixas da Saudade


 



Já posso avistar a saudade

A balançar suas madeixas rubras,

Fabulosas bruxas,

Vindo buscar meu coração.


Sonhando com você

Para fazer uma poção

Onde haverá sorrisos, lágrimas

História, vida e devoção.


As lagartixas correrão

E os dragões "esbaforidamente"

Gargalharão

Porque o tiro sairá pela culatra.

  
Onde poderia surgir destruição

Renascerá a esperança

Do amor escavando o chão

E colhendo a renovação!
 






2 comentários:

  1. Que do chao brote a esperanca como da terra nascem os frutos de uma nova estacao. Que assim seja para toda a humanidade. Depois de tanto tempo voltei e gostei de reencontrar velhos amigos ainda atuantes. Um abraco.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida amiga de longa jornada poética... Seja super-ultra-mega-power BEM VINDA! Que maravilhosa surpresa saber que estás revigorada e retornas... Que todos os versos sejam sinfonias para te receber... E mãos a obra porque queremos ler você, muito!

      Obrigado pelo carinho de vir, permanecer e retornar... Abraços! Luz e Paz!

      Excluir

"O que você não pode eu não vou te pedir e o que você não quer eu não quero insistir..." (Humbeto Gessinger)

SEU COMENTÁRIO SERÁ RESPONDIDO AQUI NO BLOG MESMO. OBRIGADO!

Related Posts with Thumbnails

O Que Você Procura no Amigo da Sofia?