E pode haver em um único sol

Milhões de horas

Para a poesia que aflora

Transformar o meu espírito...

Atualizações do Amigo da Sofia em seu e-mail. Cadastre-se!



------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

sábado, 31 de dezembro de 2011

Um Brinde a 2012!

.


Meus Amados Amigos da Sofia,

Mais um ano está findando... E meu coração está repleto de explosões luminosas como todos os fogos de artifício que enfeitarão o céu nessa noite por todo o planeta...

Vamos sepultar 2011 com todas as honrarias que ele merece, agradecendo e celebrando!

Vamos receber 2012 com todo o entusiasmo que ele precisa...

Que cada dia seja único na vida de cada um de vocês! De nós todos! Muito obrigado pelo carinho, pelos comentários, pelos presentes, pelas presenças e pelas ausências... Sofia me fez alguém melhor! E cada um de vocês faz parte disso!


Saúde, amor, trabalho, prosperidade, fé, força, harmonia, coragem! Aprendizado! Alegria! E muita VIDA!

Muito obrigado!



Luz e Paz!

Salve, Salve...

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Cássia Eller

.


Há 10 anos Cássia Eller integrou-se ao sol...

Desde então e sempre, luz!







"Sou inquieta, áspera

E desesperançada
Embora amor dentro de mim eu tenha
Só que eu não sei usar amor
Às vezes arranha
Feito farpa"





Para além de todos os sóis que ela iluminou em mim...






quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Espectrais!

.


Os versos que não escrevi

Ficam sobrevoando minha cabeça


Fantasmagoricamente...


Assombrando-me!





domingo, 25 de dezembro de 2011

Feliz Natal...

.

...que o Natal seja muito mais do que presentes e comilança! Que esses irmãos também sejam convidados à ceia, afinal, a verdadeira beleza é invisível aos olhos... Mas, o coração a reconhece muito bem!

Meu dia hoje é de agradecimento, reflexão e catarse!


E o seu?



.: BOM NATAL A TODOS OS AMIGOS DA SOFIA! :.

~ Luz e Paz ~





Essa descrição que Fernando Pessoa faz do Menino Jesus é tão íntima para mim que chego a pensar que só não escrevi esse texto porque não sou o Fernando Pessoa... Rsrs! Só por isso!



domingo, 18 de dezembro de 2011

Hoje Acordei Bethânia!

.
Vista noturna da janela do meu apartamento.


"De repente, a gente vê que perdeu
Ou está perdendo alguma coisa
Morna e ingênua que vai ficando no caminho"

Poema - Cazuza



Olho pela janela do meu apartamento.
Lá fora as pessoas estão vivendo. Uma vida comum. Uma existência regada por acontecimentos corriqueiros. Emoções dantescas inexistentes. O contentamento grato por estar vivo e só.
Só viver!
Já não me basta.
Não posso me sentir igual aos outros seres humanos porque tenho uma inquietação dentro de mim que não me permite assim. Um jeito de sentir e não existir que só encontrei nos escritos de Clarice Lispector ou nas composições de Renato Russo, por exemplo. A voz de Bethânia! Sentimentos tão avassaladores e pensamentos tão entorpecentes que minha lucidez grita em minha essência sem que eu possa acudi-la. E ela me espanca!
Sonhos existem em mim.
Amor há aqui dentro.
Esperança?
Sempre!

Mas, de quê?

Hoje quero ser ignorante.
Mais do que sou. A ignorância é uma dádiva.
Então escrevo e procuro dançar com meus versos que não são meus. Corro e grito. Em silêncio. O dia magnificamente belo. Céu azul límpido. Todas as contas pagas, graças a Deus. Saúde intocada. Família está bem. Amigos todos amados e necessários. Casa limpa e arrumada. Namoro gostoso e harmônico. Trabalho honesto (conforme aprendi que deveria ser). Emprego bom. Dízimo pago com recibo assinado (não por Deus, pelo padre). Salário garantido todo final de mês. Poupança no banco exalando uma falsa garantia de absolutamente nada... Estou respirando!
E a vida está como deveria estar.
Mas isso não me basta!



sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Brisa e Vendaval

.


Há dias


Em que eu quero simplesmente

Ficar transparente

Mas, você me enxerga!



Há dias


Em que eu soprando minhas brisas

Para o oceano

Mas, você deixa seu vendaval bravio;

Eu sereno!



Há dias


Em que quero os dias escuros

Mas, você abre todas as cortinas...





E é incrível como quero você sempre por perto... Mesmo!







terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Olá!



Olá Amigos queridos da Sofia,

Estou de volta com muita saudade e vontade de visitar a todos, seus cantos e espaços magníficos... E vou mesmo! Aguardem... Depois de mudar de endereço e de acabar de me instalar, agora posso voltar cheio de saudades e vontades...

Luz e Paz a todos!
Related Posts with Thumbnails

O Que Você Procura no Amigo da Sofia?