E pode haver em um único sol

Milhões de horas

Para a poesia que aflora

Transformar o meu espírito...

Atualizações do Amigo da Sofia em seu e-mail. Cadastre-se!



------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

sábado, 9 de março de 2013

Fevereiro Acabou...




Fevereiro acabou.
Um mês. Um ciclo. Um círculo que se iniciou e findou em si mesmo. Mas o percurso me fez pensar. Refletir. Estive longe de mim mesmo. Corri para becos sem luz. A sombra é um abrigo. Ilusório. Passageiro. Provisório. Precisei de distância para observar como um terceiro. De fora. De longe. Sem o pulsar do sangramento ferino que me esvaía a alma. Quando estamos no olho do furacão não conseguimos encontrar solução ou respostas balsâmicas. Mas passa. Mesmo em um dia nublado o sol está brilhando. As nuvens passam. Dissipam-se! O sol permanece. Sempre! E só é preciso aguentar. Cada solavanco. Cada resfolego. Cada vento mais forte. Cada trovoada. E mesmo que os raios partam a cabeça em milhares de pensamentos imensuráveis, incompreensíveis, como uma auto-regeneração, cada pedaço se reorganiza. Agrupamento refeito. Cada reconstrução é diferente da anterior. E cada uma vem melhor do que a outra. A real fortaleza do guerreiro não é vencer o inimigo... É superar a si mesmo! Despir-se da vaidade da vitória. Renunciar a mesquinharia de estar sempre soberano. Exercitar a vontade de manter a espada embainhada para usar uma arma mais ferina, certeira e poderosa: o auto-aprimoramento.
O filosofo brasileiro Rubem Alves escreveu uma obra maravilhosa, entre tantas outras de sua autoria, que se chama "Ostra Feliz Não Faz Pérola". O princípio está justamente na necessidade da impureza para se reinventar. A pérola na ostra nada mais é do que um grão de sujeira que ameaça seu bom funcionamento. Por isso a movimentação para neutraliza-la... Nesse mês de Fevereiro que acabou fui ostra. E produzi algumas pérolas. Talvez agora posso dar o próximo passo. Talvez agora esteja realmente fortalecido. Talvez agora meu peito caiba dentro de mim e não me sufoque mais com tantas emoções titânicas. Talvez agora eu seja um guerreiro que voltou da batalha ferido, mas refeito. Talvez agora minha espada fique na bainha dando vez à humildade do aprendizado. Talvez agora o próximo mês seja pintado com cores mais sutis e mais harmoniosas. Porque agora as nuvens se dissiparam e o sol está à vista.
Fevereiro acabou.

8 comentários:

  1. Meu querido amigo, que mes vc passou! Ainda bem que restaram as esperanças de um novo porvir... Meu coração se alegra com vc neste ressurgimento de fé!
    Estou voltando após o lançamento do meu livro. Postei as fotos...
    Beijos de luz,
    Martha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Martha amada,

      Passou! Rsrsrs! E seres como vc me fazem mto bem e me enchem de alegria e força para continuar... Fui lá te visitar e ver suas fotos. Adorei! Parabéns!

      Abraço forte!

      Luz e Paz!

      Excluir
  2. Olá menino
    Pelo visto, seu fevereiro foi pesado, ainda bem que ele só teve 28 dias. Bom saber que, como fênix, você ressurgiu de si mesmo, cheio de expectativas e esperança.
    Se cuide.
    Bjux

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido Elian,

      REinventar-se é necessidade básica. Estou aprendendo. Obrigado pela amizade e carinho sempre.. Tenho mto apreço por ti, mesmo!

      Abraço forte!

      Luz e Paz!

      Excluir
  3. Amigo Whesley,
    Quando machuca tanto...
    Como fugir?
    De nós mesmos...O que fazer se somos humanos e pura emoção...
    Quando este furacão passa por dentro de mim, costumo meditar e me dar o direito de cada poro do meu corpo chorar abundantemente as famosas lágrimas de sangue.
    Elas viram um verdadeiro rio que logo mais se misturam às águas do "MEU RIO".
    No meu rio elas se diluem e mansamente contornam os obstáculos.
    Mais além se descortina uma linda paisagem...
    É quando finalmente elaboro e volto para mim...
    Também adoro você, abraço.
    Maria da Graça

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Maria da Graça,

      Concordo contigo em cada letra de seu comentário. E resumo tudo em uma palavra: APRENDIZADO. Somos aprendizes e estamos aqui para isso mesmo. E q bom que temos momentos de furacao e momentos ensolarados.. cada qual com suas lições e todas complementares.

      Obrigado sempre pelo carinho e amizade.

      Forte abraço!

      Luz e Paz!

      Excluir
  4. Meu querido amigo! Que Deus te abençoe e Sara te ampare sempre! Ainda bem que tudo passou e se foi pra longe...Como escreveu Cecília Meireles "a vida só é possível reinventada"...Sei,que como poeta e filósofo te reinventarás! Reinventarás a tua vida e a alegria brotará novamente no teu coração! Como a árvore que depois de podada,crescerá com muito mais vigor e plenitude.Beijo tua alma e te deixo uma sementinha de minha alegria para florescer no teu coração!

    ResponderExcluir
  5. Amada amiga cigana,

    As tempestades são ótimas professoras, não é? vc, que é uma pessoa mto sábia e com o coração enorme sabe disso... Qtas vezes vc tb se reinventou, não foi? Obrigado por sempre estar aqui me dando seu carinho e sua amizade tão necessárias... Vou visitar-te em sua deliciosa Alma Cigana... Bjs!

    Luz e Paz!

    Todas as bençãos a ti tb, amiga querida.

    ResponderExcluir

"O que você não pode eu não vou te pedir e o que você não quer eu não quero insistir..." (Humbeto Gessinger)

SEU COMENTÁRIO SERÁ RESPONDIDO AQUI NO BLOG MESMO. OBRIGADO!

Related Posts with Thumbnails

O Que Você Procura no Amigo da Sofia?