E pode haver em um único sol

Milhões de horas

Para a poesia que aflora

Transformar o meu espírito...

Atualizações do Amigo da Sofia em seu e-mail. Cadastre-se!



------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

sábado, 29 de dezembro de 2012

Livro da Colheita dos Dias





Uma oração antes de dormir, na noite anterior, talvez tenha sido a diferença que eu não percebi... 

Um velho barbudo, incrivelmente baixinho e misterioso me dizia para receber o seu presente com humildade e usá-lo com sabedoria porque não haveria outro igual.

Acordei antes de o relógio despertar às oito horas. Estranho. Isso praticamente nunca acontecia. E o velho? Não sabia ainda se sonhara ou se aquela conversa, de fato, existira. Percebi que estava na cama. Minha cama. Meu gato dormindo recostado à minha perna direita. Levantei. Andei pelo minúsculo apartamento onde moro há mais de um ano. Sozinho. Moro só e estava só. E o velho? De repente o sinal da campainha da porta tocou. Assustei-me severamente. Sabia que o prédio estava quase vazio. Prédio pequeno, poucos moradores. Nessa época do ano todos viajando. Para alguém chegar à porta do meu apartamento teria que antes passar pelo portão lá fora e pela porta de vidro temperado que dava acesso ao prédio. Pelo menos três chaves diferentes uma da outra.

Ah, como pude esquecer?

Havia, realmente, a possibilidade de alguém entrar voando, já que as janelas nos corredores ficavam abertas para ventilação... Não! Possibilidade descartada!

Fui até a porta - já que o toque da campainha insistia cansativamente - e, antes de simplesmente destrancar a porta e abri-la, verifiquei o olho mágico. Não sou alguém que consome bebidas alcoólicas. Ou substâncias ilícitas que deturpem a compreensão da realidade. Quem me conhece sabe que sou a pessoa mais careta desse universo. Mas, o que vi realmente aconteceu: a silhueta daquele minúsculo velho barbudo começando a descer o lance de escadas para sair do prédio. Rapidamente apanhei a chave da porta e, ao abri-la, corri para tentar me certificar que era o mesmo velho... Não consegui mais a visão de nada. Mas, existira alguém ali. Ouvi a porta de vidro de acesso ao prédio se fechando por fora. 

Brincadeira de péssimo gosto. Certamente!

Esbravejei mentalmente um monte de coisas feias e voltei em direção a minha porta. Tropeção. Quase caí de rosto no sofá perto da entrada. Já ia vociferar outros palavrões - ainda mais escabrosos que os primeiros - quando percebi que o meu tropicão tinha se dado por causa de um objeto depositado no capacho. Obviamente aquilo fazia parte da brincadeira feita contra minha pessoa por algum vizinho metido a comediante. O embrulho era igualmente estranho. Envolto em um tipo de papel grosso e fosco que nunca vira antes na vida. Amarrado com uma espécie de cipó. Que trabalheira somente para passar um trote em alguém... 

Mas o meu nome estava escrito na beirada do pacote. Uma letra inacreditavelmente linda. Brilhante. Reluzente. O pacote era leve, retangular, não muito volumoso. Imaginei algumas possibilidades e decidi abrir de vez porque só assim acabaria com aquela piada. Esperava a qualquer momento algo saltar do pacote e me pregar um susto. Ou alguém adentrar o apartamento com apitos ou buzinas de zombarias. Mas nada disso aconteceu.

A voz daquele velho ressoou por todo o local: "lembre-se, não haverá outro igual... Use-o com humildade e sabedoria!" O susto foi realmente gigantesco ao ouvi-lo e cheguei mesmo a procurá-lo por todo o recinto. Mais calmo voltei ao pacote já quase desfeito.

Para minha surpresa o embrulho protegia um livro. Capa dura de um material muito parecido com tecido. Tamanho um pouco maior do que um livro comum. Uma cor neutra e leve. Nada estava escrito na capa. Nem título, nem autor. Fiquei apreensivo. Folheei-o. Absolutamente nada estava escrito. Palhaçada mesmo! Um livro em branco... Percebi que somente as páginas estavam marcadas. E, subitamente, uma suspeita - intuição - me tomou e fui até a última página do livro. Para a minha surpresa a última página desse estranho livro marcava 365.

"Não haverá outro igual... Use-o com humildade e sabedoria!"





 ~  .::.  ~ 

Queridos Amigos da Sofia, 

Obrigado por tanto carinho, amizade, gentileza, colaboração, força e incentivo! A todos, o meu humilde e sincero agradecimento! Que o novo ano seja repleto de saude, aprendizado, sabedoria, boas energias e vida!

 Luz e Paz!


 


9 comentários:

  1. Whesley amigo querido,
    Que mágico...lindo...
    Nada somos sem esta parte meio luz... meio sombra...de lá de dentro...
    Ela nos mantém...
    Para a alma que sonha é difícil ser o tempo todo racional...
    Sejamos então só o suficiente para viver no mundo...
    O resto nos pertence e usamos como queremos...
    Sonhar... sonhar...
    Cada dia...escrever nas páginas em branco...preciosidades e jóias raras de beleza e magia sem igual.
    Um FELIZ ANO NOVO, que sejam realmente 365 dias repletos de sonhos e magia.
    Um abraço carinhoso.
    Maria da Graça

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha amiga querida Maria da Graça,

      Seus comentários sempre me encantam e me fazem pensar que poderiam ser uma especie de continuação do texto acima publicado. Vc é demais!
      Adorei isso:
      "Para a alma que sonha é difícil ser o tempo todo racional...
      Sejamos então só o suficiente para viver no mundo...
      O resto nos pertence e usamos como queremos...
      Sonhar... sonhar..."

      Sabedoria!

      Que seu ano novo tb seja repleto de coisas boas e aprendizados... Que em algumas dessas 365 páginas esteja a nossa amizade, tão preciosa!

      Bjs!

      Luz e Paz!

      Excluir
  2. Te visitei e gostei do seu Blog, voltarei mais vezes e aproveitando lhe desejo um Feliz Ano Novo junto aos seus...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Muitíssimo obrigado por vir e agora compartilhar comigo essa emoção que é escrever... Seja bem vinda!

      Feliz Ano Novo para ti tb! Que Deus te ilumine e abençõe sempre com mta saude, força, fé, alegria e poesia...

      Vou lá conhecer seu espaço tb. E, se vc quiser, pode levar o selo de "Incentivo a leitura" que está na publicação anterior.


      Luz e Paz!

      Excluir
  3. Meu querido Whesley!Feliz 2013! Te desejo toda a felicidade deste mundo!Muita saúde,paz,amor e que Sara clareie teus caminhos, te trazendo mutas realizações e muito sucesso!Obrigada por existires na minha vida!Que Deus esteja contigo! Te avel Baxtalo!Um abraço apertado e beijos perfumados de jasmins!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Felicidades tb, minha querida amiga,

      Sua presença irradia bons sentimentos e energias nobres a todos que te cercam. E agui no Sofia não é diferente. Sei que vc passou por aqui qdo meu computador reluz... Te amo, minha amiga de galáxia longinqua! OBRIGADO sempre e cada vez mais!

      Que Deus te abençoe sempre!

      Beijos!

      Luz e Paz!

      Excluir
  4. Meu amigo fofo!
    BRAVO! Que texto mais lindo, meu amigo!
    Feliz 2013 para você!
    Beijos,
    Martha
    Tem um recado para todos meus seguidores em meu blog! Dê uma passadinha por lá!

    ResponderExcluir
  5. Meu amado amigo Wesley,
    Deixei um feliz 2013 aqui para vc, dizendo que eu tinha um presente para todos os meus seguidores, no dia 1º/01/2013, incluindo vc e não vi ele aqui.Senti sua falta lá, neste dia. Beijos na sua alma iluminada que o conduz pela luz da emoção, fazendo com que vc escreva palavras tãosublimes para todos nós!
    Martha

    ResponderExcluir
  6. Martha, minha linda,

    Vou responder seus dois comentários em um só.

    Obrigado pelo carinho que tu me deixou aqui. Sempre tão importante e fortalecedor, mesmo! Que seu 2013 seja repleto de saude, alegrias e realizações..

    Perdoe-me por não ter ido lá ainda em sua TERNURA ANTIGA, tão linda sempre, retirar o presente. Obrigado mais uma vez e sempre. Vou lá agora.

    Que nossa amizade resplandeça e crie raízes profundas em nós! Bjs!

    Luz e Paz!

    ResponderExcluir

"O que você não pode eu não vou te pedir e o que você não quer eu não quero insistir..." (Humbeto Gessinger)

SEU COMENTÁRIO SERÁ RESPONDIDO AQUI NO BLOG MESMO. OBRIGADO!

Related Posts with Thumbnails

O Que Você Procura no Amigo da Sofia?