E pode haver em um único sol

Milhões de horas

Para a poesia que aflora

Transformar o meu espírito...

Atualizações do Amigo da Sofia em seu e-mail. Cadastre-se!



------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

domingo, 17 de maio de 2009

Os Versos Que Ainda Não Nasceram

.

A noite chegou

Acompanhada

De muitas estrelas

E uma delas

Trouxe a minha poesia

Aflorada, latente

Causando-me improviso

Instigando os versos

Que ainda nem nasceram...

E os sentimentos

Que brotam de mim

São o alimento

Para tudo aquilo que realizo...

Os caminhos

Tantos aqui dentro

Os tropeços sujeitos...

A vontade, o amor

E o dispor

São todos autênticos

Que vivo

Respiro

E comigo mesmo

Torno-me idêntico!



8 comentários:

  1. Olá Sweetheart...

    Como anda essa gravidez poética?Tendo muitos enjôos silábicos ou tudo tranquilo?Os versos mexem muito ou são estrofes quietinhas?Vai ser parto normal ou o antigo "fórceps",tirado a ferro,dolorido,cansativo,perigoso para o genitor e a prole?(Os meus são a fórceps)=)


    Um ENORME sorriso da amiga na fila pra ser madrinha hehehehehehe!!!


    ResponderExcluir
  2. Whesley,

    Os versos que concebidos por você não deixam nada a dever aos versos que ainda não nasceram, são belos.

    Um abraço!
    Alcides

    ResponderExcluir
  3. Quando a noite chega, trazendo a linda Lua, os poetas se iluminam, e ao nascer do dia, nos encantam com as suas Poesias!!

    Parabéns!!!Adoro vir aqui,

    Reggina Moon

    Beijos e linda semana!!!

    Blog novo:
    www.oportalpoesias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. A propósito de um post que escrevi sobre Vulcano, citei e linquei este seu blogue, que aprecio muito e do qual sou visitante regular.

    António

    ResponderExcluir
  5. magnificamente belo isto:
    "Os caminhos

    Tantos aqui dentro

    Os tropeços sujeitos...

    A vontade, o amor

    E o dispor

    São todos autênticos

    Que vivo

    Respiro

    E comigo mesmo

    Torno-me idêntico!

    bjão

    ResponderExcluir
  6. Seus poemas inspiram...
    Levam-nos a devaneios...
    Tens um traçado ao escreverr que nos faz transcender ao amor maduro e terno...
    Parabéns Wesley...
    Belo fim de tarde...
    BJKS...
    Chrys
    ;)

    ResponderExcluir
  7. Lindo!
    Tanto o poema quanto as fotos...Adorei

    Bjsss

    ResponderExcluir
  8. Noss! Belíssimo poema amigo!!! Belissimo por demais! Grande, envolente e simples...

    cordiais abraços!

    ResponderExcluir

"O que você não pode eu não vou te pedir e o que você não quer eu não quero insistir..." (Humbeto Gessinger)

SEU COMENTÁRIO SERÁ RESPONDIDO AQUI NO BLOG MESMO. OBRIGADO!

Related Posts with Thumbnails

O Que Você Procura no Amigo da Sofia?